sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

Sem concorrentes, Carlinhos Pneus é eleito presidente da Câmara

Alex Villas Boas foi escolhido para assumir a vice-presidência

Por unanimidade de votos, o vereador Carlinhos Pneus (PT) foi eleito para presidir a Câmara Municipal de Piraju durante o biênio 2015-2016. A votação aconteceu na noite desta sexta-feira, 19. Contrariando as previsões iniciais, apenas o parlamentar se candidatou ao pleito.

Carlinhos Pneus espera alinhar relacionamento com o Executivo (FOTO: Expresso Piraju)

O registro de candidatura única se repetiu para os demais cargos. Alex Villas Boas (PSDB) foi eleito para assumir a vice-presidência, enquanto que Marcão da Ambulância (DEM) e Vinícius Garcia (PV) foram escolhidos para as funções de 1º e 2º secretários, respectivamente. A eleição também foi unânime.

Depois da definição dos membros da mesa diretora, os vereadores escolheram a composição das comissões permanentes do Legislativo. A Comissão de Justiça e Redação passará a contar com Ivana Pinterich (PSDB), João Fernando José (PMDB), José Eduardo Pozza (PTB), Serginho da Rádio (PMDB) e Vinícius Garcia (PV). Logo após a votação, os membros escolheram Pozza para presidir a comissão.

A Comissão de Finanças e Orçamento terá os seguintes integrantes a partir de 2015: Brandini do Gás (PSD), Alex Villas Boas (PSDB), Luciano Louzada (PMDB), Marcão da Ambulância (DEM) e João Luciano (DEM). Marcão assumirá a presidência.

Já a Comissão de Ética contará com Ivana Pinterich, Brandini do Gás (presidente), Marco Antonio dos Santos, José Eduardo Pozza e Vinícius Garcia.

PRIMEIRAS PALAVRAS

Depois de ser parabenizado por João Fernando José, atual presidente da Câmara, Carlinhos Pneus conversou com a reportagem do blog Expresso Piraju. Ele espera melhorar a relação do Legislativo com a prefeitura. “Eu quero ter bastante sensatez pra conduzir a Casa de forma certa. O Executivo não trabalha sozinho. Os dois lados perdem e a população é a que mais perde. Temos que fazer tudo de melhor pra nossa cidade”, diz.

FUTURA MESA DIRETORA - Marcão da Ambulância, Alex Villas Boas, Carlinhos Pneus
e Vinícius Garcia (FOTO: Expresso Piraju)

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

Prefeito condena postura de Villas Boas na tribuna

Damato defende transparência da atual administração

O prefeito Jair César Damato (PMDB) foi procurado na manhã desta quarta-feira, 17, para comentar as declarações do vereador Alex Villas Boas (PSDB) proferidas na tribuna da sessão de ontem da Câmara Municipal. Segundo Damato, a “necessidade de holofote” motivou as afirmações do tucano.

Jair César Damato lamentou a falta de precisão na fala do edil (FOTO: Expresso Piraju)

Depois de colocar em xeque várias situações – uma delas diz respeito a ocupantes de cargos comissionados que, segundo ele, não estão trabalhando de forma responsável no Centro de Exposições Pref. Cláudio Dardes –, Villas Boas demonstrou insegurança ao falar da prefeitura. “Nossa maior empresa é a prefeitura. Eu espero que ela não seja a nossa Petrobrás porque infelizmente a população deu um voto de confiança ao Executivo e a nós”, diz.

O parlamentar ainda afirmou que, a partir do ano que vem, a oposição não medirá esforços para acionar o Ministério Público caso a prefeitura não sane os problemas do município.

Em resposta, Damato questiona o fato de Villas Boas ter anunciado que somente em 2015 estará disposto a recorrer ao MP. “Causa estranheza o seguinte: por que essa oposição só vai ocorrer a partir do ano que vem? Por que ela não ocorreu desde o início? A função do vereador é fazer esse acompanhamento. Se houve alguma coisa de errado, não poderia ter passado batido”, indaga.

O prefeito condenou a falta de precisão na fala do vereador, a começar pela menção de que ocupantes de cargos comissionados estão fazendo “lambança atrás de lambança”. Damato disse que Villas Boas pecou por não ter discriminado o nome das pessoas.

Embora o vereador não tenha afirmado que a prefeitura esteja envolvida em escândalos como os que cercam o nome da Petrobrás, o prefeito interpretou o discurso de Villas Boas como uma comparação direta entre a estatal e a administração. “É uma comparação no mínimo estúpida. Existe um portal de transparência aqui. As ações da prefeitura são observadas constantemente”, responde.

terça-feira, 16 de dezembro de 2014

‘Eu espero que ela não seja a nossa Petrobrás’, afirma tucano

Declaração foi feita na última sessão ordinária do ano da Câmara

O vereador Alex Villas Boas (PSDB) encerrou a última sessão ordinária do ano da Câmara Municipal com um discurso endereçado à administração do prefeito Jair César Damato (PMDB). Ele classificou seu pronunciamento como um “aviso bem democrático”. O tucano anunciou que, a partir do ano que vem, a oposição estará mais fortalecida.

Alex Villas Boas durante pronunciamento na tribuna da Casa de Leis (FOTO: Expresso Piraju)

Após listar uma série de situações que, de acordo com ele, não foram devidamente resolvidas pela prefeitura, Villas Boas deixou no ar uma suspeita quanto à idoneidade da atual administração. “Nossa maior empresa é a prefeitura. Eu espero que ela não seja a nossa Petrobrás porque infelizmente a população deu um voto de confiança ao Executivo e a nós”, diz.

Um dos problemas levantados pelo parlamentar diz respeito ao Centro de Exposições Prefeito Cláudio Dardes (FECAPI). “Alguns cidadãos que não são funcionários de carreira da prefeitura assumem cargos de assessoria e fazem lambança atrás de lambança”, afirma. Segundo ele, a oposição não medirá esforços para recorrer ao Ministério Público caso as deficiências do município não sejam sanadas.

Na mesma sessão, a reportagem do blog Expresso Piraju questionou o presidente da Casa a respeito das declarações do tucano. João Fernando José (PMDB), que integra a base governista na Câmara, disse que “a oposição é salutar a partir do momento que você pode apontar caminhos para uma resolução”. O vereador ainda afirmou que apoia a posição do colega, desde que haja “coerência” nas cobranças.

segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

Prédio da Washington Osório de Oliveira volta a ser ocupado por moradores de rua

Departamento de Ação Social já tomou conhecimento da situação

Desocupado há anos, o prédio localizado na Rua Washington Osório de Oliveira, em frente ao Cinemax, voltou a servir de moradia para andarilhos. Segundo informações, o imóvel está sendo frequentado por dois homens.

A ocupação foi registrada por um morador e divulgada nas redes sociais (FOTO: Joel Pace)

Procurada para comentar a situação, a diretora do Departamento de Ação Social (DEASO), Erinete Dognani, informa que já está acompanhando o caso. “Não tem como você tirar essas vidas bruscamente. Nós estamos de olho, fazendo a nossa parte”, diz.

De acordo com ela, um dos moradores não tem vínculo familiar, e por isso está sendo convencido a ser encaminhado para uma clínica terapêutica. Já o outro possui família. Segundo a diretora, os familiares estão sendo orientados a acolher o homem. “Esse é um trabalho que demora um pouco para aparecer, mas a gente tem certeza que o fruto vai chegar”, acrescenta.

O departamento alerta a população para que não ofereça esmola aos moradores. De acordo com a pasta, o dinheiro é usado na compra de bebida e drogas, fato que tem comprometido o trabalho de recuperação dessas pessoas.

domingo, 14 de dezembro de 2014

Evento beneficente movimenta Clube 9 de Julho

Cerca de 200 pessoas prestigiaram a ação promovida por protetores de animais

O sucesso da última ação entre amigos promovida pela Associação Protetora dos Animais de Piraju (APRAPI), ocorrida em julho desse ano, se repetiu neste domingo, 14. Realizado no Clube 9 de Julho, o evento contou com a presença de aproximadamente 200 pessoas. Na oportunidade, o público que adquiriu as cartelas da ação concorreu a inúmeros prêmios.

Inúmeros prêmios foram distribuídos durante o evento (FOTO: Bru Villa)

Os prêmios, bem como os brindes que fizeram parte dos sorteios que aconteceram ao longo do evento, foram doados pelo comércio local.

Segundo a entidade, o resultado da ação atingiu todas as expectativas. O dinheiro arrecadado com a venda das cartelas será empregado no pagamento das clínicas veterinárias que dão suporte à associação.

VIOLÊNCIA

Durante o evento, a APRAPI foi procurada por dois moradores de Tejupá. Eles resgataram um cachorro que foi golpeado na cabeça com um facão no Distrito de Ribeiro Bonito. O acusado pela violência fugiu sem prestar socorro ao animal.

Por intermédio da associação, o cachorro foi encaminhado para uma clínica veterinária. Segundo informações, após ter o ferimento suturado, o animal recebeu alta. Sensibilizado com a situação, um dos moradores se dispôs a adotar o cachorro.

O caso foi registrado na Polícia Civil de Tejupá.

sábado, 13 de dezembro de 2014

Apesar do mau tempo, Fundo Social promove entrega de brinquedos

Organização não descarta possibilidade de um segundo evento na semana que vem

O tempo instável não comprometeu a participação de boa parte dos inscritos na festa do Fundo Social de Solidariedade. Segundo informações, metade das pessoas que se inscreveu para ganhar os presentes já compareceu no Centro de Exposições Pref. Cláudio Dardes.

Por volta das 8h, a assessoria de imprensa da prefeitura chegou a anunciar a transferência da festa para o próximo final de semana. Como o tempo se estabilizou, a organização decidiu manter a programação, inclusive o show da dupla sertaneja Kaik e Alessandro.

Em conversa com a reportagem do Expresso Piraju, a presidente do Fundo Social, Sabrina Damato, não descartou a realização de uma nova festa caso o restante dos brinquedos não seja entregue até o meio-dia deste sábado, 13. Se isso acontecer, o evento possivelmente acontecerá no Centro de Lazer Dr. Luis Ferreira de Oliveira, Vila Cantizani.

sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

Candidatos ao cargo de tratorista farão prova prática no dia 20

Avaliação acontecerá no Parque Municipal do Dourado

Os candidatos inscritos no concurso público nº 02/2014, destinado à contratação de tratorista, farão prova prática no dia 20 desse mês, a partir das 14h30. A avaliação acontecerá no Parque Municipal do Dourado.

Ao todo, 23 pessoas estão aptas a participar da prova. O número corresponde aos 20 primeiros colocados na prova escrita e os empatados com a mesma nota do 20º colocado.

Segundo a prefeitura, os candidatos deverão estar no parque às 14h. Os portões serão fechados cinco minutos antes do início da avaliação. Quem desrespeitar os horários não terá outra oportunidade para fazer a prova. De acordo com o edital de convocação, não haverá segunda chamada.

A administração informa que os candidatos farão testes de direção, manobra e operação em trator.  O concurso público está oferecendo duas vagas.

quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

Gerente da Sabesp justifica descarte de esgoto

Segundo ele, fim da poluição no Paranapanema depende de estação elevatória

Ao longo dessa semana, algumas fotos motivaram críticas por conta do lançamento de esgoto no Rio Paranapanema. As imagens mostram vários pontos de poluição no trecho usado por praticantes de canoagem slalom. Publicadas nas redes sociais, as fotos chegaram ao conhecimento da Sabesp.

Solução do problema ainda não tem data para sair do papel; até lá, os usuários do
Paranapanema precisam se valer de alguns cuidados para não ficar com a saúde prejudicada

O gerente da autarquia, Edson de Almeida, foi procurado pelo blog Expresso Piraju para comentar o assunto. De acordo com ele, o descarte de esgoto justifica-se pela ausência de uma estação elevatória no Centro de Exposições Pref. Cláudio Dardes. “A execução da obra depende da liberação de algumas áreas”, diz.  

Ainda segundo o responsável, a licitação do serviço será feita tão logo sejam sanados alguns “entraves burocráticos”. Não há previsão para que a construção saia do papel.

O volume de esgoto lançado no Paranapanema é proveniente de 800 residências. De acordo com a Sabesp, a quantidade corresponde a mais de 3% do esgoto que não é coletado na cidade. O restante é encaminhado através de outras elevatórias até a estação de tratamento.

Questionado se a autarquia tem alguma orientação aos frequentadores do local, sobretudo aos canoístas, Almeida sugeriu que os responsáveis estabeleçam, se possível, novos percursos para evitar contato com o esgoto. 

quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

Dupla sertaneja animará festa do Fundo Social

Evento acontecerá no próximo sábado; haverá entrega de brinquedos

A dupla pirajuense Kaik e Alessandro fará show durante a festa do Fundo Social de Solidariedade. Programado para ocorrer no sábado, 13, o evento acontecerá nas dependências do Centro de Exposições Prefeito Cláudio Dardes. Segundo os organizadores, a festa começará às 8h e se estenderá até o meio-dia.

Kaik e Alessandro (FOTO: Facebook)

De acordo com a presidente do Fundo Social, Sabrina Damato, havia uma expectativa quanto ao show de Lucas Ferreira, porém a agenda do cantor está indisponível. “Ele tem um show no mesmo dia. A gente optou por prestigiar o pessoal aqui da cidade”, explica.

Conforme já divulgado pelo Expresso Piraju, Lucas Ferreira encerrará a programação da Festa do Café e Feira Agropecuária e Industrial de Piraju (FECAPI-FAIPI). O show está marcado para o dia 24 de janeiro, logo após a apresentação da dupla Kaik & Alessandro.

Além da atração musical, a festa de fim de ano do Fundo Social promoverá a entrega de mais de dois mil brinquedos a crianças de zero a dez anos. Haverá ainda lanche, refrigerante, sorvete, pipoca e parque inflável. Segundo Damato, a presença do papai noel já está confirmada.

terça-feira, 9 de dezembro de 2014

Louzada recebe informações sobre censo animal

Prefeitura diz que levantamento será feito no ano que vem

O vereador Luciano Louzada (PMDB) recebeu resposta da diretora do Departamento de Saúde (DESAU), Cristiana Tonini, a respeito da realização do censo animal no município. As informações foram lidas na sessão desta terça-feira, 9.

Vereador durante entrevista concedida à assessoria de comunicação do Legislativo
(FOTO: Expresso Piraju)

De acordo com Tonini, a administração pretende fazer o cadastramento dos animais em 2015. A forma como o serviço será realizado não foi explicitada na resposta, porém o DESAU não descarta a possibilidade de o censo ser feito por agentes do Programa Saúde da Família (PSF) ou do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ).

Louzada ainda questionou a prefeitura sobre chipagem e castração dos animais recolhidos pela administração. Segundo a diretora, “[...] o CCZ já conta com 300 chips, sendo que esses podem ser adquiridos por aproximadamente R$ 15,00 a unidade. Já a castração, por envolver mais de um profissional, por depender de materiais cirúrgicos e medicamentos, custa em média R$ 160,00 por animal, já que esse valor é calculado pelo peso, sexo e se é gato ou cachorro”.

Ainda de acordo com a responsável, a “falta de conscientização da população” compromete o controle da população animal, já que a vacina contra o cio é fornecida pelo município até que o animal possa ser castrado.

“O maior custo para o município é a falta de consciência de alguns munícipes que acabam por abandonar e não cuidar de seus animais domésticos, soltando-os pelas ruas à esmo. Com o aumento da demanda e após o cadastramento desses animais, poderemos ter um controle sobre a nossa população animal e quem são os munícipes que os abandonaram”, finaliza a diretora.

Em entrevista, Louzada diz que os dados do censo serão confrontados com o número de animais castrados no município. “Precisamos ver se a natalidade de cães e gatos está diminuindo”, diz.

Escala será definida em 2015, afirma João José

Vereadores terão horário fixo para atender a população na Câmara

A partir do ano que vem, os vereadores da Câmara Municipal passarão a atender os munícipes em horários previamente agendados. Idealizada pelo presidente João Fernando José (PMDB), a medida iria ser implantada ainda em 2014, porém foi prorrogada em virtude das poucas sessões que ainda faltam para o encerramento do ano legislativo.

João Fernando José é o autor da proposta (FOTO: Expresso Piraju)

Outro fator que justifica o adiamento diz respeito à reinauguração da Casa de Leis, ocorrida no último sábado, 6. A principal novidade da obra refere-se à criação de gabinetes exclusivos para cada um dos parlamentares. As salas foram projetadas de forma a garantir privacidade nos contatos com a população.

De acordo com o presidente, a escala de atendimento ficará a cargo de cada vereador. Uma vez definida, a programação será publicada nos principais meios de comunicação.

TESTE POLÍTICO

A medida vem ao encontro das críticas que volta e meia são lançadas a respeito da falta de comprometimento por parte da classe política. Até então, os vereadores pirajuenses têm dois compromissos fixos na Casa: às segundas, por conta das comissões permanentes, e às terças, em função das sessões ordinárias. Se vingar, a escala certamente fomentará comparações, por exemplo, entre o parlamentar mais assíduo e o que menos “bate cartão”.