>

segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Retirada de projeto decepciona Juventude Alegre e Unidos do Bairro Alto

Representantes das duas agremiações saíram frustrados da Câmara

A prefeitura retirou o projeto que pretendia repassar R$ 100 mil às escolas de samba Juventude Alegre e Unidos do Bairro Alto. Com isso, a matéria não foi deliberada pela Câmara Municipal, deixando dezenas de componentes das duas agremiações bastante frustrados na sessão extraordinária ocorrida na noite de ontem, 25.

Durante a sessão, componentes das escolas exibiram cartazes (FOTO: Expresso Piraju)

Segundo informações da Casa, a retirada da subvenção foi feita horas antes da reunião pelo porta-voz do Executivo, vereador João Fernando José (PMDB). Em entrevista à rádio Eduvale FM, o parlamentar disse que a administração considerou temerária a condição da Associação Comercial e Industrial de Piraju (ACIP) no projeto.

“Como houve algumas divergências, já que a verba não seria destinada à Associação das Escolas de Samba [AESP], mas sim à ACIP, pra se evitar um transtorno por parte dos vereadores, eu solicitei a retirada do projeto”, diz. O porta-voz ainda disse que a retirada levou em conta os “apelos que foram feitos nos últimos dias por pessoas contrárias ao evento”. De acordo com ele, a matéria será avaliada pela prefeitura e, num segundo momento, reenviada à Câmara.

João Fernando José, porta-voz do Executivo na Câmara Municipal (FOTO: Expresso Piraju)

Por estar legalmente impedida de receber recursos, a AESP não pôde figurar no projeto. Como forma de contornar a situação, a prefeitura encontrou na ACIP uma alternativa para promover o repasse. Entretanto, a assessoria jurídica da Câmara entende que a manobra é ilegal, a começar pelo fato de que as funções da ACIP não têm cunho carnavalesco.

Nesta terça-feira, 26, o prefeito Jair César Damato (PMDB) deve prestar esclarecimentos aos carnavalescos e à imprensa a respeito do desfile das escolas. Por ora, o carnaval 2016 contará apenas com o Folia na Praça. 

OUTROS PROJETOS

Na mesma sessão, os vereadores aprovaram o repasse a três entidades do município: Guarda Mirim Constantino Leman (R$ 85 mil), Asilo São Vicente de Paulo (R$ 50 mil) e Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (R$ 89 mil). Já o repasse à Associação Pirajuense dos Estudantes Intermunicipais foi retirado por conta de um erro de digitação. 

Comente com o Facebook:

2 comentários:

Bolsas da Li disse...

Pessoal a Verba foi aprovada dia 12/01/2016, pelo executivo. A documentação que é enviada do executivo para o legislativo essa documentação teve erro de digitação da prefeitura, mas em nada invalida o repasse da Prefeitura, nossa primeira parcela do repasse receberemos em fevereiro como o Plano de Trabalho elaborado. Fiquem tranquilos o boleto de fevereiro já estará expresso o repasse. São apenas contratempos, mas não seremos prejudicas, o repasse REAFIRMO já foi aprovado e assinado pelo prefeito Jair.

Bolsas da Li disse...

Pessoal a Verba foi aprovada dia 12/01/2016, pelo executivo. A documentação que é enviada do executivo para o legislativo essa documentação teve erro de digitação da prefeitura, mas em nada invalida o repasse da Prefeitura, nossa primeira parcela do repasse receberemos em fevereiro como o Plano de Trabalho elaborado. Fiquem tranquilos o boleto de fevereiro já estará expresso o repasse. São apenas contratempos, mas não seremos prejudicas, o repasse REAFIRMO já foi aprovado e assinado pelo prefeito Jair