>

terça-feira, 19 de janeiro de 2016

Servidores da prefeitura protestam contra atraso de salário

Grande parte dos manifestantes compõe o quadro de professores da rede municipal

Cerca de 50 funcionários públicos participaram de uma manifestação no final da tarde desta terça-feira, 19, em frente à prefeitura de Piraju. Acompanhado de perto pela Polícia Militar, o protesto foi pacífico e contou com a participação de servidores de alguns departamentos, sobretudo da Educação.


FOTO: Expresso Piraju

O evento foi motivado pelo atraso do salário referente ao mês de dezembro. Embora a administração tenha divulgado na imprensa que o dinheiro estará na conta dos servidores até quinta-feira, 21, os funcionários afirmam que, pelo menos internamente, a informação é outra. De acordo com eles, a prefeitura alega que “não tem previsão” de quando o salário será depositado.

Empunhando cartazes com os dizeres “Luto pela educação”, “Cadê a verba do Fundeb?” e “Queremos nossos salários!”, os manifestantes iniciaram o ato na sede do Poder Executivo e depois se espalharam no cruzamento da Rua Joaquim Teotônio Araújo com a Praça Ataliba Leonel. Durante o evento, nenhum representante da prefeitura conversou com os funcionários, fato que agravou o clima de indignação.

FOTO: Expresso Piraju

Os servidores tinham em mente interditar a Rua Carlos de Campos, porém foram avisados pela Polícia Militar da ilegalidade do ato, uma vez que a manifestação não foi previamente comunicada ao comando da polícia. Outro ponto que, de certo modo, prejudicou o protesto foi a falta de liderança. 

A professora Patrícia de Oliveira, que leciona na EMEI Madre Vicentina, no Conjunto Augusto Morini, participou da manifestação. Ela diz que os funcionários não merecem passar por uma situação como essa. “Quando a gente entra na sala de aula, a gente cumpre com nossas obrigações. Temos horário pra entrar, horário pra sair e ainda as nossas metas pra serem cumpridas. A gente é avaliada por isso. O que a gente está pedindo não é caridade”, desabafa.

De acordo com os servidores, um novo protesto será realizado se a prefeitura não cumprir com a promessa de acertar o salário até quinta-feira. O ato está agendado para ocorrer durante a Feira da Lua.


FOTO: Expresso Piraju

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário: